Capitão Gancho, Jack Sparrow, Barba Ruiva. A lista de piratas da ficção é grande e recheada com figuras interessantes: foras-da-lei com um código de ética muito peculiar, que roubavam tesouros, cidades e navios. Nem todo pirata tem a perna de pau, o olho de vidro ou a cara de mau, mas eles definitivamente existiram e alguns ficaram famosos.

Elegemos 5 piratas notórios, que realmente existiram e fizeram história:

1 - Edward Teach (Blackbeard)

O Barba Negra (Blackbeard) foi o responsável pelo estereótipo do pirata terrível, com aparência assustadora, a la Capitão Gancho. Edward Teach era inglês, mas, como muitos outros, fez sua fama como bandido implacável no Caribe, a bordo do navio Vingança da Rainha Ana. Ele acabou morto num combate contra as autoridades e reza a lenda que foram necessários 20 golpes de espada e cinco tiros para finalmente abatê-lo.

2 - Black Bart

Bartholomew Roberts, ou Black Bart, foi um dos piratas mais bem sucedidos de seu tempo. Conhecido por seu cavalheirismo, foi Roberts e sua tripulação que desenvolveram os 11 artigos do código pirata. Black Bart chegou a capturar mais de 450 navios em todo continente americano, de norte a sul. Ele morreu em combate contra um navio inglês, em 1722, para surpresa dos dois lados da disputa, que consideravam Bartholomew invencível.

3 - John Rackham (Calico Jack)

John Rackham, mais conhecido como Calico Jack, foi um famoso pirata inglês no Caribe do século 18. Ele é muito conhecido porque a imagem de sua bandeira pirata (chamada de Jolly Roger) era uma caveira com duas espadas cruzadas – figura que ficou marcada como símbolo dos piratas na cultura popular. Além disso, também ganhou fama por ter duas mulheres formidáveis em sua tripulação – Anne Bonny e Mary Read. Ele foi capturado pelo ingleses sem oferecer resistência em 1720 e morreu enforcado.

4 - Mary Read

Mary Read passou boa parte de sua vida disfarçada de homem. Fez parte do exército britânico e da Companhia das Índias. Quando a tripulação do navio que ela trabalhava se amotinou, Mary, disfarçada de Mark, se tornou pirata e parte do time de Calico Jack. Anne Bonny acabou se interessando por Mark, que teve que revelar sua verdadeira identidade para ela e o capitão Jack. Quando o navio foi capturado, Read também revelou estar grávida de um prisioneiro que era seu amante. Ela acabou morrendo em uma prisão jamaicana por complicações da gravidez.

5 - Anne Bonny

Anne nasceu na Irlanda, mas sua família se mudou para o Caribe quando ainda era criança. Ela cresceu nas Bahamas cercada por piratas e, apesar de seu pai ser um rico homem de negócios, acabou sendo deserdada por se casar com um fora-da-lei, chamado James Bonny. Alguns anos mais tarde, Anne Bonny conheceu o renomado pirata Calico Jack e fugiu com ele. Ela fez parte de sua tripulação e era uma pirata muito respeitada pelo time. Em 1720, o navio deles foi atacado pela Marinha Real e Bonny, juntamente com sua amiga Mary Read, lutaram bravamente, enquanto o resto da tripulação embriagada se rendeu. Bonny declarou que estava grávida e teve sua condenação adiada – ela acabou sendo perdoada e viveu até os 93 anos. Suas últimas palavras para Calico Jack foram “Se você tivesse lutado como um homem, não teria que morrer feito um cão”.

Adaptado de Cracked History

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top