Já se sabe que na era tecnológica muitos trabalhadores passaram a ser substituídos por máquinas. O entregador de cartas, por exemplo, tem uma das ocupações mais afetadas pela tecnologia, por lidar com um material que também vem sendo extinto por questões ambientais: o papel.

Lembrando que como se trata de uma pesquisa realizada nos EUA, nem todas as profissões condizem com o mercado brasileiro. Ainda assim, muitas dessas áreas podem sofrer grandes mudanças no futuro em qualquer parte do mundo. Confira quais são elas:

1 - Entregador de cartas

Salário médio anual: $53.100
Perspectiva de contratação até 2022: -28%

De acordo com a Bureau of Labor Statistics, com cada vez mais pessoas usando e-mails e sistemas de pagamento eletrônico, os entregadores de cartas sofrerão um grande declínio na demanda por empregos.

2 - Trabalhador do campo

Salário médio anual: $69.300
Perspectiva de contratação até 2022: -19%

Com o uso de máquinas que realizam várias tarefas com mais rapidez, será ainda menos necessário contratar trabalhadores nos campos.

3 - Leitor de medidores

Salário médio anual: $36.410
Perspectiva de contratação até 2022: -19%

A implementação de leitores de medidores remotos permite que os serviços públicos visualizem os dados de uso dos clientes sem que eles precisem enviar trabalhadores para a vistoria. Isso fará com que menos leitores de medidores sejam convocados para os próximos anos.

4 - Repórter de jornal impresso

Salário médio anual: $37.090
Perspectiva de contratação até 2022: -13%

A diminuição da publicidade e de número de assinantes de jornais impressos faz com que cada vez menos repórteres sejam contratados. E como muitos grandes jornais deixaram de imprimir edições para produzir apenas conteúdos digitais, as equipes de jornalistas foram drasticamente reduzidas.

5 - Agente de viagens

Salário médio anual: $34.600
Perspectiva de contratação até 2022: -12%

Diversas companhias online já oferecem planos de viagens para turistas que desejam planejar suas férias sozinhos. Além disso, a internet se tornou uma ótima ferramenta colaborativa para que os internautas compartilhem suas experiências e avaliem cada lugar por onde passam durante as viagens.

Adaptado de Info

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top