Um novo estudo pode ter encontrado os restos mortais de Nefertiti. De acordo com o arqueólogo Nicholas Reeves, da Universidade do Arizona, existe um portal na tumba do faraó Tutancâmon (provável filho da rainha egípcia) que pode levar até o corpo. Se tudo for comprovado, esse é um mistério da arqueologia que finalmente será solucionado, mas ainda existem outros que não tem explicação. Listamos seis mistérios que nenhum arqueólogo conseguiu desvendar – e daria a vida por isso.

1 - Quem construiu as pirâmides do Egito?

Não existe unanimidade de opinião quando o assunto é descobrir quem foi o responsável por fazer os mais de 100 monumentos do Egito. A mais recente diz que a Grande Pirâmide (Queóps) foi construída por cerca de 30 mil trabalhadores, livres que trabalhavam 14 horas por dia. Mas há quem acredite que elas tenham sido construídas por escravos e até por alienígenas o.O

2 - Quem fez o Stonehenge?

Os círculos de pedra estão localizados no sul da Inglaterra e são patrimônio mundial da Unesco. Acredita-se que foram construídos 3.100 a.C , mas ninguém sabe por quem foram feitos e para o que serviam. Alguns arqueólogos arriscam que o local tenha servido para estudos astronômicos, rituais ou até um cemitério para famílias da elite.

3 - Para que servia o Disco de Festo

O Disco foi encontrado em 1908, no Palácio de Festa localizado na Ilha de Creta, na Grécia. Mas ninguém sabe qual o significado do achado e nem dos seus simbolos. Existem teorias que falam que o disco é uma espécie de texto e até um calendário.

4 - Qual o paradeiro do Santo Graal?

O famoso cálice usado por Jesus Cristo na Santa Ceia é lenda para a maioria, mas ainda existem pessoas que acreditam que ele era um objeto físico. O cálice teria sido usado por José de Arimeteia para recolher o  sangue de Jesus – conforme escreveu o poeta francês Robert de Boron –  e podia dar superpoderes a quem o possuísse. Na literatura, o objeto já foi buscado até pelo Rei Arthur e fez sucesso no filme Indiana Jones e a última cruzada. Se existiu de verdade e onde está, ninguém sabe.

5 - A Atlântida realmente existiu?

A ilha perdida causou e ainda causa grandes discussões entre estudiosos. Citada na obra de Platão, Timeu e Crítias, a cidade se afundou “em um único dia e noite de infortúnio”. Apesar de ser considerada uma lenda por muitos, existem inúmeras hipóteses da localização de Atlântida, que vão desde a Ilha de Creta na Grécia até o sul da Espanha.

Adaptado de Elástica

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top